:::: MENU ::::

Sobre Lian Gong

O que é

Lian gong em 18 terapias, tem por objetivo prevenir e tratar as dores no corpo e restaurar a sua movimentação natural.

Dr. Zhuang Yuan Ming

O Lian Gong em 18 terapias é uma prática corporal elaborada na década de 70 pelo Dr. Zhuang Yuan Ming,médico ortopedista da Medicina Tradicional Chinesa que viveu em Shangai na China, até meados de 2013.

Rendemos homenagens a um grande homem de coração imenso, um ser humano com sentimento de um verdadeiro Mestre, portanto Doutor Zhuang, nosso agradecimento e gratidão eterna pelos seus ensinamentos.

“Quando beber da água lembrar sempre a Fonte” (filosofia oriental).

Com o falecimento do Doutor Zhuang, assume como sucessor, seu filho Mestre Zhuang Jian Shen, o nosso respeito tal como o pai.
Esta prática foi escolhida pelo governo de Shangai para ser amplamente divulgada para a população e o Dr. Zhuang, o seu criador, recebeu o prêmio de “Pesquisa Cientifica de Resultado Relevante”.

Doutor Zhuang, uniu conhecimento da MTC – Medicina Tradicional Chinesa e a Moderna Medicina Ocidental, com as artes guerreiras e os antigos exercícios terapêuticos.

O objetivo principal do Lian Gong em 18 Terapias é a de tratar e prevenir dores no corpo, inúmeros problemas osteosmusculares, articulações, etc. hoje tão freqüente nas condições da vida moderna, além de atuar nas disfunções dos órgãos internos e problemas respiratórios.

São exercícios preventivos e curativos, cujas práticas põe em movimento o “Chi” (energia vital) através dos meridianos, em especial ao “Zhen Chi” ou “Chi Verdadeiro” no organismo, termos encontrados nos fundamentos da MTC, Medicina Tradicional Chinesa, que diz “Quando o Zhen Chi esta pleno no interior do corpo humano,os fatores negativos não podem invadir”.

Ajuda na circulação do sangue, dissolve aderências e inflamações dos tendões.

Restaura a movimentação natural, melhorando a resistência e a vitalidade do organismo.

O sistema completo do Lian Gong em 18 terapias é composto de 3 partes, totalizando 54 exercícios.

Primeira – Parte Anterior

São 18 exercícios para prevenir e tratar de dores no corpo, dividido em 3 séries:

  • Série 1: 6 exercícios para pescoço e ombros
  • Série 2: 6 exercícios para costas e região lombar
  • Série 3: 6 exercícios para glúteos e pernas

Segunda parte – Parte Posterior

São 18 exercícios para prevenir e tratar de dores nas articulações, tenossivites e disfunções dos órgãos internos, divididos em 3 séries:

  • Série 4: 6 exercícios para articulações
  • Série 5: 6 exercícios para tendões
  • Série 6: 6 exercícios para órgãos internos

Terceira – denominada “I Qi Gong”

Este conjunto de de 18 exercícios recebeu do Doutor Zhuang o nome de “I Qi GONG” (cultivo e beneficiamento do Qi – continuação do Lian Gong em 18 Terapias” e serve para prevenção e tratamento da bronquite crônica e da debilidade funcional do coração e dos pulmões, bem como outras doenças crônicas das vias respiratórias.

Música

A pratica dos exercícios são acompanhada de música tocada por instrumentos tradicionais chineses, cujo arranjo estabelece o ritmo apropriado para a execução dos movimentos. Cada parte de 18 exercícios leva aproximadamente 12 minutos para ser realizada.

Principais Características

Na Medicina tradicional Chinesa, dá-se atenção ao “ZHEN QI” em suas terapias. Quando o “Zhen Qi” está pleno no interior do corpo humano, os fatores negativos não poderão invadir.

Aliado a outras terapias, o Lian Gong em 18 Terapias, potencializará mais rapidamente os resultados.

(Dizeres abreviados do Dr. Zhuang Yuan Ming)

A relação do Lian gong em 18 terapias com o Tuei-Ná:

  • 1. HEN DUEI YA TUN DIEN.

    Pressionar diretamente no local dolorido, deve-se pressionar para obter o Qi no local.

  • 2. DE QI KOU JIN TUEI.

    Pressionar persistentemente o local para obter o Qi. Ao localizar a região dolorida, deve-se massagear, combinando forte e fraco.

  • 3. DIEN MIEN XIAN JIE HE.

    Integrar o ponto com a região começando massageando e expandir até atingir a região.

  • 4. SUN JIE UYUEN ZHU ZI.

    Soltar o tecido mole.

  • 5. HUO DUN JING GUAN JIE.

    Movimentar os tendões e as articulações.

  • 6. TIAO JIE TI GUN NAN.

    Restabelecer a função do corpo.

As 11 Frases que sintetizam o Lian Gong em 18 Terapias
  • 1. Atua objetivamente na necessidade “Zhen Duei Xu Yao”

    O movimento das 18 terapias concentra a sua movimentação em uma determinada região do corpo, operando melhora de uma patologia localizada, com a participação de todo corpo.

  • 2. Treinar com alegria “Le Quan Duan Lien”

    Para treinar com alegria não deve haver preocupação obsessiva em acertar a forma do movimento e nem ser displicente em relação aos padrões principais que orientam a prática.

  • 3. Realizar os movimentos de formas lenta, homogênea e continua “Huan Man Lien Guan”

    Os movimentos lentos, contínuos e homogêneos induzem o Qi a percorrer o corpo levando a consciência e a ação terapêutica em seu fluxo.

  • 4. Coordenar movimento e respiração, “Pei He Hu Xi”

    A respiração bombeia o SOPRO para as extremidades, auxiliando a realização do movimento.

  • 5. Movimento com o corpo ordenado, estruturado e alinhado “Dun Zuo Zen Qie”

    A realização do movimento das 18 terapias com is segmentos do corpo ordenado e alinhado possibilitam executar os exercícios de forma simples, econômica e com pouco dispêndio de energia.

  • 6. O movimento deve ser amplo “Fu Du Yao Da”

    Na prática das 18 terapias, deve-se conquistar gradativamente movimentos cada vez mais amplo.

  • 7. Mobilizar a Força Interna “Qian Nei Jing”

    “Que a intenção lidere o Qi, que esse dê origem a força interna e que a força interna alcance os 4 membros”. (Princípios das artes corporais chinesas)

  • 8. É importante obter o Qi, “De Qi Wei Yao”

    Onde chega o Qi chega o efeito terapêutico.

  • 9. Praticar com dosagem adequada “Huo Dun Si Lian”

  • 10. Aperfeiçoar a prática gradativamente “Zhu Jian Ti Gao”

  • 11. Prevenir e tratar de doençasestá na persistência e na egularidade da Prática “Fan Bin, Guei Zhai Jien Ci”

As 11 frases são de autoria do Doutor Zhuang Yuan Ming, riador do Lian Gong em 18 Terapias e foi traduzida e comentada pela Profa. Maria Lucia Lee introdutora do Lian Gong em 18 Terapias no Brasil. Ela não mediu esforços para divulgar a técnica em todo territórios brasileiro.

As 11 frases encontram-se também nos livros apresentados neste site, além de outras informações importantes, como históricos, conceitos técnicos.

O Lian Gong em 18 Terapias
  • É um dos mais completo sistema de alongamento.

  • É uma Ginástica de de alto Nível.

  • Propicia trabalhar as cadeias musculares superficiais e as mais profundas.

  • Pode complementar qualquer modalidade esportiva, que exige força, velocidade e impacto e até a simples caminhada.

  • Ajuda a combater o estresse, que é a porta de entrada das doenças.

  • Além de atuar no campo das doenças ósteo-musculares, atua nas disfunções orgânicas, é também um ótimo instrumento no campo da psicologia.

  • Coloca-se como uma Cinesioterapia Global.

Sensei Nelson Iba.

Quem pode praticar

Pessoas de qualquer idade poderão estar praticando o Lian gong em 18 Terapias, desde crianças até idosos, porém deverão respeitar os seus limites. Os movimentos deverão ser executados sempre de forma alegre, prazerosa e harmoniosa. Como qualquer prática corporal, deverão seguir sempre as orientações de um bom instrutor e as recomendações de seu médico.

Há casos que a técnica é muito benéfica, mas sua pratica deve ser realizada com adaptações e cuidado na amplitude, dosagem e intensidade dos movimentos.

Pessoas idosas ou portadores de determinadas patologias, deverão receber orientações especificas de seus instrutores.

Portanto um instrutor deverá ter um bom conhecimento da técnica, noções dos fundamentos da Medicina Tradicional Chinesa, conhecimento de outras terapias, para poder orientar bem seus alunos, sobre a terapia que mais se adapta a ele em determinado momento ou estado de doença.

Conforme orientação do próprio Doutor Zhuang, criador do Lian gong em 18 Terapias não deve ser praticadas por pessoas com câncer na fase ativa, somente após controlado é indicada para ajudar na recuperação.
Mulheres grávidas, não são recomendadas a sua prática. Pessoas que se encontre na fase aguda de uma inflamação ou infecção (febre e gripe muito forte, inchaço e parasitoses graves, etc).

Na fase de cicatrização após cirurgias ou fraturas, porém após a consolidação dessa cicatrização é recomendada, pois os exercícios possibilitam dissolver as aderências dos tecidos, além de fortalecer os ossos.

Usar o bom senso e seguir sempre as orientações do seu médico.